3 de junho de 2012

156ª Citação: "... um amor de tantas rugas não ter o seu lugar".

Finalmente, aqui estou! Sexta-feira foi aquela correria para ir a São Paulo, sábado cheguei em casa às 18 horas e depois fui para o aniversário do meu cunhado. Vamos por partes...
Primeiro o show do Los Hermanos na sexta:

Uma palavra para descrever: lindo. Eu pensei em usar "maravilhoso", mas parece que perde a delicadeza. Os barbudos proporcionaram um belo espetáculo. Muita emoção da parte da plateia e da banda, todos cantando juntos, afinados e felizes.
Não posso deixar de contar minha aventura épica por São Paulo, né gente rs. Afinal, um dos propósitos do blog também é registrar acontecimentos da minha vida para que eu possa lê-los daqui a algum tempo e revivê-los mesmo que em memória.
Saí de Americana (de ônibus) com a minha amiga Pati às 18:40 e rumamos à terra da garoa. Foi um dos caminhos mais longos que já percorri, não chegava nunca. Às 21 horas estávamos na Rodoviária de Tietê e o David, uma pessoa muito querida e amiga que mora em SP, já estava nos esperando logo no desembarque.
Próximo passo: ANDAR DE METRÔ. Gente, foi a minha primeira vez rs, adorei. Em uns vinte minutinhos chegamos ao lugar no show, Espaço das Américas.
.
Entramos e logo já começou. Foi um dos mais emocionantes. Cantamos todas as músicas, pulamos, gritamos... enfim, inesquecível. Terminou por volta de 00:30.
Pegamos um taxi e fomos para uma festinha que estava rolando no Saci Hostel, em Perdizes. Tinha uns amigos do David da agência de publicidade e VÁRIOS gringos, foi bom para desenferrujar o english rs. Pessoal bacana e divertido. O máximo da noite foi a cabine de fotos, proporcionou imagens engraçadíssimas nossas e muita risada. Se eu as conseguir digitalizadas, postarei aqui!
Festinha boa, eu e a Pati fomos embora de carona para a casa da Sara (prima do namorado da Pati) em Pinheiros dormir um pouquinho. Acordamos e fomos dar uma voltinha numa feira de antiguidades que estava tendo na praça perto dali, pena que estávamos com pouco tempo para parar e olhar cada detalhe... eu queria comprar tudo hahaha muita coisa linda. Assim que a Pati me passar as fotos também postarei aqui, com certeza gostarão!
David, eu, Pati e Eduardo no hostel.
Próxima aventura: pegar o metrô sozinhas até o Tietê e voltar para Americana. A Sara deixou a gente na estação e explicou direitinho como tínhamos de fazer. Deu tudo certo! Meio dia estávamos no ônibus voltando para a terrinha (snif ;/ queria ficar).
O que ficou dessa pequena eventura épica:
- Não ter medo de arriscar, de se perder. O risco por tentar para realizar vontades é incrível!
- É possível fazer amigos em minutos de conversa.
- Uma bela trilha sonora faz uma viagem inesquecível.
- Conhecer novos lugares é como descobrir novas partes de si mesmo.
- Voltarei mais vezes para São Paulo.
- Algumas pessoas ficarão para sempre em sua vida.

Vou deixar o link de um vídeo sobre a história de uma das músicas que mais emocionou no show, Conversa de Botas Batidas. Vocês vão gostar! Peço desculpas, mas não estou conseguindo incorporar o vídeo...
http://www.youtube.com/embed/eeBfsOgCxRM"

"Já não vejo motivos para um amor de tantas rugas não ter o seu lugar".
Lindo ;)

Agora faltam somente 112 dias.

Beijocas carinhosas da...
Fe 

3 comentários:

junito disse...

navegando pela internet, busquei no google imagens: "aponta pra fé e rema"... achei seu blog! kkkkk! gostei das citações! parabéns pra ti! =D

Fernanda Brito disse...

NOSSA, QUE BACANA ISSO!!!

Obrigada, Junito. Seja sempre bem-vindo!

Beijocas,
Fe

Gugu Keller disse...

Sabe que hoje à tarde, antes de ler este teu post, estive no Livraria Cultura e vi uma caixa do Los Hermanos com cinco cds por 77,00? Lembrei de vc na hora! Vou ouvir com atenção as músicas de que vc deixou o link, e, se bobear, já compro a caixa! Então foi a primeira vez que andou de metrô? Para mim, que o faço diariamente há vários anos, isso soa muito estranho, mas adorei saber! Queria muito ver a tua cara...! Venha sempre e, se precisar de qualquer coisa por aqui, conte comigo, ok?
Bjs!
GK